quinta-feira, 31 de dezembro de 2009

Por que o mundo está louco ? Modernidade e Pós-Modernidade: a nova Babilônia.



Evolução de idéias modernas para as pós-modernas (da "Renascença" do paganismo até os dias de hoje): são os valores da "grande cidade", a prostituta do Apocalipse, os valores das cidades em que vivemos.
Compreenda de onde você veio, onde você está e para onde você está indo...e mude de caminho.
Faça os Exercícios Espirituais de S. Inácio para perceber seus desordenamentos interiores e ordenar tudo para Deus. Não fomos feitos para essa "vida louca".
Convertei-vos !

1. Autonomia do indivíduo (orgulho, desobediência, egoísmo, falta de misericórdia, ódios, conflitos, caos, desprezo por autoridades e pela religião, crimes).

2. Confiança no senso comum (espírito de "maria-vai-com-as-outras", vulgaridade e suas baixarias, abandono da verdadeira autoridade, desrespeito à hierarquia e igualitarismo,argumentação falaciosa tipo "ad populum" - lembre-se: "não seguirás o mau exemplo da multidão" Ex 23,2, modas e modismos, perigo de ser manipulado, mentalidade mutante de época, democracia demagógica = o povo ignorante e estúpido determina seu caminho = igualitarismo,coletivismo e comunismo = derrubada de autoridades = anarquia = tomada do poder por elites manipuladoras = dominação e escravização do povo para servir a essas elites = fascismo e totalitarismo).

3. Racionalidade (racionalizações por argumentos falaciosos e métodos "científicos" materialistas - e superficiais, calculismo, desprezo pela verdade revelada e a religião, frieza, falta de caridade e misericórdia).

4. Crença na redenção pelo progresso (materialismo, auto-suficiência, orgulho, egoísmo, vaidades, teorias de evolução, falta de estabilidade - inquietação e medo, mutabilidade de valores - que "evoluem" - e distanciamento do absoluto - que é eterno e imutável, utilitarismo e comportamento segundo as conveniências - e não de acordo com valores eternos e estáveis).

5. Secularismo "neutro" (abandono de ideais espirituais e sua troca por uma noção jurídica, comercial, amoral da vida em seus relacionamentos consigo e com o próximo).

6. Falta de grandes ideais (vazio espiritual, perda do sentido da vida, nihilismo, desespero, fuga da realidade ou engajamento em causas e ideais vazios).

7. Perda de consenso sobre valores centrais básicos (ver item 9).

8. Contradições (ver item 9).

9. Múltiplas verdades relativas ( cultura promíscua = confusão, perda de referências do absoluto, desorientação = "quando deixamos de adorar o absoluto, começamos a inventar 'relativos' para incensar" ).

10.Dessacralização dos vínculos humanos: utilitarismo dos relacionamentos (usar, não amar).

11.Vazio espiritual: materialismo e crença na autosuficiência do homem e suas torres de babel.

12.Educação universal (idolatria da educação = gnose do conhecimento = "pelo conhecimento sereis salvos" - ???).

13.Fragmentação de valores antes aglutinados na Igreja (pensam que tais valores serão encontrados em outras instituições = afastamento da Igreja, que é o eixo central do qual partem esses valores = esfriamento e distorção dos mesmos, transformando caridade em marketing social, propaganda e sedução proselitista para atrair simpatizantes para instituições, assistencialismo, demagogia e dependendência escravizante de governos = "sou a videira e vós sois os ramos" ficou negligenciado - ou seja, "fora da Igreja não há salvação" fica explicado).

14.Superficialidade e frivolidade: romantismo, delírios, fantasias, idealismos frustrantes que levam à revolta, ao desespero, ao desânimo e à fuga da realidade pela narcotização (drogas, mais fantasias, orgias, bebedeiras, materialismo consumista, etc. e afastamento da vida espiritual).

15.Relativismo banalizante (lei da conveniência, falta de valores absolutos, egocentrismo da própria vontade, egolatria, egoísmo, falta de ética, dupla moral, falta de critérios estáveis e seguros, tensão nervosa e esgotamento mental).

16.Anomia (ausência de normas claras e uniformes - ver item 15), o que leva as pessoas para crendices supersticiosas, magia, ocultismo, adivinhação - já que tudo está valendo(o que fascina pessoas de personalidades fragmentadas e que anseiam por uma unidade mas numa certeza ilusória).

17.Sincretismo (associação efêmera e circunstancial - ausência ilusória de contradição e superficialidade, pragmatismo, utilitarismo, relativismo, importa "sentir-se bem").

18.Crítica secularista à religião (neopaganismo e seus males acima e abaixo descritos, estatolatria; escravidão a políticos, pseudo-intelectuais e pessoas colocadas em posições influentes - a "escravidão do Egito" do Antigo Testamento).

19.Ruptura dos laços de solidariedade ("salve-se quem puder!" = egoísmo, canibalismo, autofagia da sociedade fratricida).

20.Uso de técnicas eficazes de comunicação e persuasão: manipulação psicológica, falácias, uso maciço de meios de comunicação, apelo emocional, manipulação de fraquezas e medos, mensagens sub-liminares, propaganda e "marketing", programação neurolinguística, hipnose, lavagem cerebral,etc. (tudo que os governos, meios de comunicação, grupos político-econômicos poderosos e "religiosos" de má-fé - mercadores da fé - fazem).

O ensinamento tradicional da Igreja é a contradição de tudo isso. Por essa razão, a Igreja é tão impopular, tão superficialmente seguida e tão vigorosamente combatida nos nossos dias.

Creia na Igreja e siga seus ensinamentos !

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Infelizmente, devido ao alto grau de estupidez, hostilidade e de ignorância de tantos "comentaristas" (e nossa falta de tempo para refutar tantas imbecilidades), os comentários estão temporariamente suspensos.

Contribuições positivas com boas informações via formulário serão benvindas!

Regras para postagem de comentários:
-
1) Comentários com conteúdo e linguagem ofensivos não serão postados.
-
2) Polêmicas desnecessárias, soberba desmedida e extremos de ignorância serão solenemente ignorados.
-
3) Ataque a mensagem, não o mensageiro - utilize argumentos lógicos (observe o item 1 acima).
-
4) Aguarde a moderação quando houver (pode demorar dias ou semanas). Não espere uma resposta imediata.
-
5) Seu comentário pode ser apagado discricionariamente a qualquer momento.
-
6) Lembre-se da Caridade ao postar comentários.
-
7) Grato por sua visita!

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

Gadget

Este conteúdo ainda não está disponível por conexões criptografadas.

Pesquisar: